Blog Te Dou um Dado?

Pronunciamento das discípulas ao blog TE DOU UM DADO? no que diz respeito à identidade de INRI CRISTO

Gente, estamos numa sinuca de bico.

De um lado, o respeito que temos por INRI e suas discípulas que, a seu modo, fazem um bom trabalho e nos mostraram mais humor e tolerância do que muito papa por aí. De outro, um pedido de piada, quase uma súplica:

Por onde começar? Pela polêmica de INRI não ser doador de orgãos? Pelo baby-liss? Pela capinha de chapeuzinho vermelho? Mas… e o medo de Deus mandar uma revoada de gafanhotos para nossa casa? Vamos apenas publicar o procunciamento que nos foi enviado por e-mail então:

Resposta ao blog Te Dou Um Dado?

INRI CRISTO não foi, não é nem nunca será um mito, logo jamais cairá. Caminhará sempre ereto, altivo, porque é o Emissário da Verdade. INRI é a realidade crua e nua. Em nenhum momento nós, discípulas (os), que vivemos há mais de dez anos com INRI CRISTO voluntariamente, temos por que mentir. O nome de INRI sempre foi INRI, todavia a segunda letra, até a revelação em 1979, estava de cabeça para baixo (Inri # Iuri). Thais é o sobrenome de família, uma variante do alemão, Theiss. Obediente à voz que o comanda desde a infância, INRI CRISTO começou sua vida pública em 1969 identificando-se sempre como Iuri; jamais em tempo algum apresentou-se com o pré-nome Alvaro. Só quando jejuou em 1979 em Santiago do Chile a voz se revelou dizendo ser seu PAI, SENHOR e DEUS, dando-lhe consciência de sua identidade e que a segunda letra de seu nome estava invertida (u # n). INRI é o novo nome do Filho de DEUS, o nome que lhe custou o preço do sangue na cruz (“Ao que vencer… escreverei sobre ele o nome de meu DEUS… e também o meu novo nome – Apocalipse c.3 v.12). Alvaro é o pré-nome, que nunca usou em sua vida pública, INRI CRISTO é o seu nome, e Thais é o sobrenome de família.

Após sobrepujar um processo de falsidade ideológica que se arrastou na Justiça Federal por quinze anos – período em que viveu como apátrida – INRI CRISTO obteve o reconhecimento oficial e definitivo de sua identidade pelas autoridades terrestres. Em 24/10/2000, o Egrégio Tribunal de Justiça do Estado do Paraná expediu um venerando acórdão determinando que o nome INRI CRISTO conste em todos os documentos do Filho do Homem (passaporte, identidade, etc.). Jurídica e legalmente, o nome dele é INRI CRISTO, o pré-nome Alvaro e o sobrenome de família Thais. Todavia, não usa o pré-nome nem o sobrenome de família; usa apenas seu nome INRI CRISTO. Seguem em anexo os documentos de identificação de INRI CRISTO a fim de sanar qualquer equívoco.

Conheça a história jurídica e mística de INRI CRISTO no livro O Tempo, no capítulo Reconhecimento Oficial Definitivo da Identidade de INRI CRISTO, página 22, disponível em nosso site http://www.inricristo.org.br/index5.html; consulte, outrossim, a Wikipédia a respeito de INRI CRISTO.

Assim como Maria da Graça XUXA Meneghel, Inri é Alvaro INRI CRISTO Thais. Não entendemos onde entra o Iuri, mas eis o mistério da fé.

by Urgh.us