Blog Te Dou um Dado?

Sabe aquela história de chamar bunda de “pandeiro”? Nunca compreendi a figura de linguagem em questão, mas como também não sou lá uma frequentadora de quadra de escola de samba, não tinha como.

Até ver a foto abaixo, no Ego:

A partir de hoje a expressão ~ tocar um pandeiro ~ faz todo um novo sentido pra mim.

Obrigada, internet.

(Valeu o print, Marcela)

Ainda não escolheu sua fantasia? Que tal se inspirar em Angela Bismarchi?

– E aí, gata, qual sua fantasia?

– SATANÁS EM DIA DE CHUVA.

Não assistia o programa desde quarta-feira e hoje sentei para tirar o atraso. Morro de pena de quem na trabalha na edição do BBB, viu. Se pra fazer um resumo no blog eu já sofro pra achar assunto, imagina quem precisa achar assunto pra editar um programa inteiro todos os dias.

Essas pessoas são tão interessantes que  há dias a edição só foca em DR DOMÉSTICA sobre a Kamilla Pra quem nunca dividiu casa com os outros, dr doméstica é quando você passa o dia reclamando que fulano não lavou a louça, que comeu seu leite em pó, que deixou a toalha no chão do banheiro, etc.

Grande parte do elenco já tinha ensaiado a justificativa (Vou votar na Kamilla por motivo de: deixou xícara de café na academia) mas Eliéser atendeu o big fone e imunizou a coitada.

Paredão acabou sendo Fani x Marcello x Yuri. Quem sair é lucro, não aguento mais olhar pra cara de nenhuma dessas pessoas.

 

by Urgh.us